Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2019

Minhas raízes alimentam a vida de outras pessoas

No dia 25 de abril deste ano apresentei a bolsa Dova ao público aqui no Instagram. Hoje ela mora em Londres e foi presente de aniversário da pessoa que comprou para sua irmã. Eu a batizei Dova em homenagem à minha avó paterna, que fazia peças lindas em crochê e patchwork. Ela fez e faz parte do meu processo de reconexão e de honrar toda a minha ancestralidade. O tecer, o plantar, o cultivar, o criar, etc, por si só já são heranças ancestrais. Enquanto minha avó ainda habitava o plano terrestre, eu não consegui ou não tive a oportunidade de olhar para ela simplesmente como sendo a minha avó e assim me apossar de tudo o que vinha dela. O meu olhar para os meus avós foi um olhar através do olhar de outras pessoas, com muitos julgamentos e vivências, que não eram meus. Hoje resgato tudo isso e honro minhas avós e avôs, do que jeito que eles eram e como foram avós para mim. Honro e agradeço a vida que chegou até mim através deles. Eu aceito e agradeço por tu

Receitas para Festa Junina Vegana e Sem Glúten

Nasceu meu primeiro E-book de receitas !!! YEY!!! Acredito que eu não poderia ter escolhido melhor época e tema para colocar esse tipo de serviço no mundo: "Conectar Almas" , por isso estou aqui! Quando você fecha os olhos e pensa na palavras palavras Festa Junina, o que te vem a mente? Quais as sensações que te despertam? Existe sons, música? E cheiro, existe algum cheiro marcante? Vou adorar saber por onde essa viagem te levou. Quando eu fecho os olhos e penso em Festa Junina me teleporto para um outro cenário, uma outra dimensão. Nesse cenário tem fogueira, tem criança correndo, tem cheiro de pipoca e música! "Pula a fogueira iaiá Pula a fogueira ioiô Cuidado para não se queimar Pois essa fogueira já queimou o meu amor." Ora estou no pátio da escola correndo com os amigos, ora estou em Valença correndo com os primos. Mas uma coisa não muda, a sensação de aconchego. Eu me sinto tão abastecida, que poderia ficar lá pra se

Meu coração = minha bússola interna

Ainda me perco com frequência do que gostaria de quem eu sou, me desconecto da minha intuição e acelero por caminhos que não me levarão a lugar algum. Por outro lado, desenvolvi a capacidade de me resgatar e consigo fazê-lo cada vez mais rápido. Percebo que possuo a necessidade de começar o dia mais devagar, me conectando comigo antes de me jogar nas tarefas do dia-a-dia e para isso a meditação é a ferramenta mais que perfeita para mim! Hoje me peguei rodopiando entre as tarefas sem conseguir avaliar o que era realmente prioridade no momento, o que era pedido pelo meu coração. Meu coração=minha bússola interna. Quando me desconecto dele não permito que minha intuição me acompanhe no meu caminho, dou espaço para as interferências externas dominarem minha volta. Então, parei, acendi um incenso, uma vela dourada e meditei. O barulho interno era grande, mas os poucos minutos que consegui estar presente e me reconectar comigo mesma foram o suficiente. E enqu

Sobre Talentos

Ontem foi um dia em que portais se abriram e a sincronicidade se fez mais presente do que nunca em minha vida.  Os sinais de que tudo está interligado, de que tudo tem um propósito de ser e de que a vida caminha na direção de nossos propósitos exatamente da forma como deve acontecer, com todas as dores, amores e ensinamentos que precisamos para construir e colocar em prática os nossos dons a serviço do Planeta e da humanidade, saltaram em letras garrafais e neon na minha frente. Muito lindo de se perceber, que quando nós dizemos sim para quem somos, aceitamos que tudo acontece exatamente da maneira que deve ser, que quando soltamos toda a necessidade de controlar os fatos e resultados, as coisas começam a fluir de forma leve e orgânica, a ganhar a forma que o mundo precisa que elas tenham e quando menos percebemos já estamos a serviço de algo muito maior. Além de todos esses presentes ainda teve um presente maior de todos!!! Pude olhar para mim com um novo olhar